Principal dica é usar protetor solar

Quem tem tattoo sabe que é necessário ter alguns cuidados com a pele. No verão esses cuidados devem ser ainda mais reforçados.

Seguindo algumas recomendações é possível dar vida mais longa à sua tatuagem, evitando que ela perca a pigmentação de forma precoce. As dicas valem tanto para quem tem tattoo nova quanto para as de longa data, já que o sol e até o cloro da piscina podem desbotar as cores da sua tatuagem, a deixando com aspecto envelhecido e sem brilho.

Por isso, fique ligado nas principais dicas de como cuidar da sua tatuagem no verão.

 

1. Para evitar a perda do brilho e da cor que a exposição solar pode causar, a dica número um redobrar os cuidados com o protetor solar. Escolha sempre um fator de proteção (FPS) elevado e que proteja simultaneamente dos raios UVA e UVB. Ao sair ao sol, aplique uma camada generosa de protetor solar na tatuagem meia hora antes da exposição solar e garantir novas aplicações de duas em duas horas.

foto: Toa Heftiba/Unsplash

2. Além disso, nosso organismo interpreta uma tatuagem quase como uma queimadura de segundo grau. Assim sendo, caso você não a proteja adequadamente, a exposição aos raios UV é capaz de provocar uma lesão de primeiro grau.

3. Se você acabou de fazer a sua tatuagem, nem pense em passar perto de piscinas ou mar. Isso porque por ela ser recente e não estar cicatrizada, pode inflamar e atrapalhar a cicatrização. Os banhos de piscina têm como desvantagem a possibilidade de contrair infecções, além da agressão do cloro, que pode danificar os pigmentos da tatuagem. Por isso, é bom evitar mergulhar nas primeiras semanas após fazer a tatuagem. A mesma regra também vale para a água do mar. O ideal é usar piscinas e banho de mar só após a cicatrização completa, o que pode levar até um mês dependendo do organismo.

Para quem tem tatuagens de longa data, a orientação é dar uma chuveirada depois daquele banho na piscina e no mar. O cloro da piscina e o sal do mar ressecam a pele.

4. É ainda importante não esquecer que o consumo regular de água ajuda a manter não só o organismo, como a pele e a tatuagem igualmente hidratada e saudável.

5 – Use hidratantes. Hoje em dia já há loções desenvolvidas especificamente para peles tatuadas. Se puder, dê preferência a elas. Elas possuem em sua fórmula substâncias que além de hidratar, também ajudam a preservar a pigmentação, ou seja, a tattoo fica com aspecto de nova por mais tempo.

6 – Para acelerar o processo de cicatrização da pele, deve-se consumir alimentos ricos em antioxidantes e compostos anti-inflamatórios, como o ômega-3. Dentre os alimentos mais antioxidantes estão: tomate, frutas vermelhas, frutas cítricas como laranja e acerola, e ervas como alho, cebola e açafrão.

Já os alimentos anti-inflamatórios são aqueles ricos em gorduras boas como castanhas, abacate, salmão, atum, sardinha, azeite, amendoim, linhaça, chia e gergelim. Além disso, tomar de 1 a 2 xícaras de chás anti-inflamatórios também vai ajudar na cicatrização, podendo-se utilizar ervas como camomila, gengibre e alecrim.